Descrição


O Psicólogo Clínico é um profissional de saúde e deve ter competências para a realização de diagnósticos clínicos, manuseamento de material auxiliar de diagnóstico, realização de projectos de intervenção hospitalar e comunitário, bem como o estudo, seguimento e encaminhamento de casos individuais e/ou de grupo e o estrito respeito pela ética e deontologia profissional.

Requisitos


a) Conhecimento da legislação em vigor de Moçambique no âmbito da prestação de cuidados de saúde; b) Factores físicos, psicológicos, sociais, económicos, culturais e do meio ambiente que podem influenciar a saúde do indivíduo, da família e da 2 comunidade; c) conhecimento aprofundado do manuseio dos testes psicológicos e de outros instrumentos auxiliares de diagnóstico psicológico; c) Principais patologias existentes no país, particularmente do foro psicológico (transtornos mentais e de comportamento); d) Conhecimento da psicopatologia das principais doenças do foro psiquiátrico e psicológico em particular; e) Organização, gestão, planificação e controlo de um serviço de psiquiatria e saúde mental; f) Normas deontológicas e éticas que norteiam o exercício da profissão de saúde em geral e o trabalho do psicólogo clínico em particular; g) Regras de civismo, cortesia e empatia no relacionamento com os pacientes; - Ter a capacidade de partilhar os seus conhecimentos com os outros profissionais, criando uma equipa multidisciplinar, de forma a melhorar todo o sistema envolvente; - Ser um profissional que desenvolve relações recíprocas com os seus colegas de trabalho, baseadas no respeito pelo trabalho de cada um; - Ser um profissional que atende através da sua área de intervenção sob a aplicação dos seus conhecimentos científicos e respeitando os princípios deontológicos da sua profissão; - Um profissional que deve ter a preocupação pela auto-formação e pela formação contínua para uma melhoria das condições oferecidas pelo serviço. Responsabilidades: a) Elaborar a história clínica completa do paciente; b) Realizar avaliação psicológica, podendo recorrer sempre ao uso dos testes psicológicos; c) Identificar hipóteses diagnóstica de acordo com a história clínica; d) Determinar o diagnóstico com recurso ao CID-10; e) Estabelecer um diagnóstico diferencial tendo em conta o diagnóstico; f) Elaborar um plano de intervenção psicológica; g) Traçar um tratamento psicoterapêutico; h) Reabilitar os pacientes que necessitam; i) Seguir o roteiro de interconsultas com outros profissionais sempre que for necessário intra e inter hospitalar; j) Intervir no âmbito domiciliar; k) Auto formar em matéria de avaliação e intervenção psicológica; l) Formar continuamente os conselheiros; m) Participar activamente em discussão de casos clínicos, de preferência que 4 aconteçam semanalmente; n) Elaborar e realizar trabalhos de pesquisa individual ou em grupos com vista a uma melhor compreensão dos problemas; o) Realizar actividades preventivas e promotoras em matéria de saúde mental; p) Preencher, de forma fidedigna, os instrumentos de trabalho (livro, guiões, resumos Mensais) para garantir a monitoria das actividades.

Funções


Deve ter conhecimentos das políticas de saúde nacional e internacional e contar com ferramentas necessárias para organizar, administrar, planificar, programar supervisionar e controlar a gestão dos serviços de Psicologia Clínica, actuando de acordo com os princípios éticos da profissão.

Vagas Relacionadas